Mulher branca, cabelos longos e escuros, com colar feito artesanalmente.

Aline Camila

 Você consegue vender seu artesanato tanto quanto gostaria? O que está faltando pra você conseguir vender mais?

Se a sua resposta à primeira pergunta foi não e quer saber a resposta sobre como vender mais, então mergulhe comigo nessa leitura que pode fazer muita diferença na sua vida como artesã.

Para que você tenha sucesso em vender pela internet, eu acredito que existem alguns itens primordiais aos quais você deve se atentar:

 

1. Escolha do nicho(tipo de artesanato);

2. Produtos de qualidade;

3. Página no facebook;

4. Loja virtual.

5. Atendimento de qualidade;

 

1. Escolha do nicho

O que é nicho?

Nicho é a fatia do mercado em que você vai atuar, ou seja, o tipo de artesanato que você vai fazer. Não adianta você querer fazer vários tipos de artesanatos diferentes e não vender bem nenhum deles. Tenha foco em um nicho específico.

Pra que tipo de público você faz o seu artesanato? Você já havia pensado sobre isso?

Você já ouviu falar em PERSONA

A persona é uma imagem que você deve criar da(o) sua(eu) possível cliente.

Exemplo: se você faz bolsas de maternidade, você pode criar uma PERSONA com as seguintes características:

· Uma mulher grávida;

· Com idade entre 25 e 35 anos;

· Chamada Carla;

· Casada;

· Já tem um filho;

· Deseja montar o enxoval do seu bebê todo personalizado. 

Conseguiu imaginar essa mulher? O que você precisa fazer agora, é criar todos os seus produtos pensando na Carla, ou seja, na sua PERSONA. Quando você faz isso, você consegue atingir um público mais qualificado, e dispersa os curiosos que chegam até você só pra olhar seus produtos sem nada comprar.

 

2. Produtos de qualidade

Esse para mim, é um dos itens mais importantes, com o qual eu sempre tive uma grande preocupação.

Que tipo de reação os seus clientes tem quando recebem o seu produto?

· Legal.

· Bom.

· Gostei.

Ou:

· Nossa que lindo!

· Amei!

· Acabamento perfeito!

· Vou falar para as minhas amigas comprarem dela também!

Será que seus clientes se encaixam na primeira ou na segunda descrição? Se for na segunda, ótimo, esse é o caminho. Mas se for na primeira, é bom você rever seus conceitos de qualidade!

 

Lembre-se:

· Produtos de boa qualidade, geram boas indicações que geram novos clientes;

· Produtos de má qualidade, geram péssimas indicações que fazem os clientes fugirem de você.

 

Se você está gostando desse artigo,venha fazer parte da nossa lista VIP. 

Receba as nossas dicas GRATUITAS sobre como utilizar as novas mídias para vender o seu artesanato. Para receber nossa dicas direto no seu whatsapp clique na imagem abaixo e me envie um zap como seu nome e o tipo de artesanato que você faz!

 

escalope com a frase quero ser vip em rosa e branco.

 

Seja VIP e fique por dentro de todas as nossas novidades!

 

Veja também alguns artigos como:

Como superar a perda do emprego e viver de artesanato.

Alguma dicas para superar a crise e viver de artesanato

A vida que você tem e a vida que você quer?

Como o empreendedorismo pode mudar sua vida.

Calcule o preço de venda do seu artesanato.

 

3. Página no facebook

Como você tem vendido, ou está tentado vender seus produtos?

 Infelizmente, mesmo na era digital que vivemos hoje, AINDA existem várias pessoas que não utilizam a internet para divulgar e vender seus produtos. Mas se você chegou até aqui, esse não deve ser o seu caso.

 

Como você divulga seus produtos na internet? Será que você está fazendo isso da maneira correta?

Saiba que existem técnicas simples, que podem fazer toda a diferença entre você vender, ou não, o seu produto.

Ter uma página no facebook para divulgar seus produtos é essencial, porém isso não é suficiente.

 

Você tem postado fotos dos seus produtos em sua página pessoal e familiar? Isso pode te gerar muitas curtidas e comentários, porém não costuma resultar em muitas vendas, certo? 

Por que isso acontece?

Lembra que eu falei lá no início sobre público qualificado? Isso mesmo! Quando você posta em páginas pessoais e familiares, o seu público não é um público qualificado. São pessoas que vão até gostar dos seus produtos, mas sem muito interesse em comprá-lo.

Agora quando você cria uma fanpage, ai sim, você começa a atrair pessoas que tem algum tipo de interesse em seus produtos. Mas esteja certo de que, se você criar sua fanpage e ficar postando apenas fotos dos seus produtos, o resultado também não vai ser tão bom assim!

 

Como assim?

As pessoas costumam acessar páginas que tenham algum conteúdo que interesse a elas, só fotos e mais fotos, com o passar do tempo vai se tornar cansativo e elas vão acabar indo embora da sua página.

 

O que devo fazer então?

Lembra da Carla? A PERSONA que citei como exemplo. Coloque-se no lugar dela e faça uma lista das informações que lhe seriam úteis, como por exemplo:

· Dicas de nomes para meninos e meninas;

· O que é a fotografia newborn;

· Dicas de alimentação durante a gravidez;

· Como lidar com os enjoos;

· Os benefícios do parto normal, etc.

Agora procure na internet por conteúdos sobre esses e outros assuntos úteis à Carla, de preferência com fotos ou vídeos e os compartilhe em sua fanpage com regularidade. Não adianta você fazer um post hoje e só daqui 20 dias fazer outro. Se possível faça um por dia.

 

Lembre-se:

· Poste conteúdos relevantes à sua persona!

· Não vá postar algo sobre “a crise política do Brasil” na sua fã page, isso você faz na sua página pessoal.

Você sabia, que além dessas, existem várias outras TÉCNICAS simples de como você usar o facebook para vender cada vez mais o seu artesanato? Técnicas como:

· O melhor horário para fazer suas postagens de forma a atingir o maior número de pessoas;

· Como montar a capa da sua fanpage de forma que atraia mais clientes, etc.

 

 

4. Loja virtual

Ter uma loja virtual ainda é algo que parece difícil pra você? Sério?! Não acredito!

Ter uma loja na internet hoje é uma questão de necessidade se você quer ter um negócio artesanal bem sucedido.

Você sabia que você pode ter sua loja virtual com vários produtos, vender para todo o Brasil, e o melhor: SEM PAGAR NADA POR ISSO?

Pois saiba que você pode!

Hoje existem várias plataformas que oferecem esse tipo de serviço, mas eu quero falar pra você hoje da elo7.

elo7 é uma plataforma específica para lojas de produtos artesanais, hoje ela é considerada a maior do Brasil nesse ramo.

Pessoas comuns como eu e você podemos ter nossa loja lá. Eu já tenho há 3 anos e recomendo muito!

 

Como funciona?

Para se cadastrar e abrir sua loja na elo7, você não vai pagar nada de início, você só pagará 12% das suas vendas concretizadas. Parece muito pra você? Eu não acho, pelas facilidades que você terá em colocar seus produtos à venda para todo o país, eu acho uma porcentagem razoável! É só fazer assim: você calcula o seu preço e joga mais 12% em cima. Resolvido!

 

O que é necessário para abrir sua loja?

· Ter uma conta bancária de qualquer banco; (pode ser poupança)

· Ter uma conta no moip ou no paypal;

· Ter fotos de boa qualidade dos seus produtos;

· Disposição para trabalhar muito!

 

O que é moip e paypal?

Tanto o moip como o paypal, são sistemas de pagamento e recebimento de compras pela internet. Você abre uma conta semelhante a uma conta bancária e movimenta ela totalmente online.

Não há custos iniciais para abrir sua conta no moip, somente quando você vai transferir o dinheiro das vendas para a sua conta do banco que é cobrada uma pequena taxa de R$ 2,00 para valores inferiores há R$ 150,00, para valores superiores não há essa taxa. O paypal é semelhante!

 

Detalhe importante:

Você só começa a confeccionar o produto após a confirmação do pagamento, não há risco de perda, e o frete é o cliente quem paga, há menos que você queira pagar!

É muito simples abrir sua loja na elo7, mas para quem não conhece pode parecer difícil no início.

Pensando nisso, eu resolvi elaborar um curso ensinando o passo a passo(PAP) e todas as dicas pra você abrir sua loja na elo7 e vender seus produtos para todo o país.

 Se você está gostando deste artigo e gostaria de aprender a usar as novas mídias de forma correta para vender seu artesanato, nós temos um treinamento completo, onde você aprenderá a utilizar o instagram, facebook, whatsapp, elo 7, pinterest, you tube e aumentar as suas a vendas!
Clique no link abaixo e conheça nosso treinamento:

Botão laranja com a frase quero conhecer o treinamento em branco.

Qualquer dúvida sobre o treinamento clique aqui e me chame no whatsapp! 

 

5.  Atendimento de qualidade.

Você pode seguir todas as dicas anteriores, se matricular na Academia, mas se você não souber atender seu possível cliente com qualidade, certamente sua venda não será efetivada.

As pessoas que compram produtos artesanais, estão em busca geralmente, não só de um produto diferenciado, mas também de um atendimento diferenciado.

Elas não querem ser apenas um comprador qualquer em uma loja qualquer, elas querem um atendimento pessoal, querem participar das decisões que envolvem o produto, querem ver a sua construção, e muito mais.

Com as facilidades que a tecnologia nos oferece hoje, podemos mandar fotos da construção do produto em tempo real e, deixar nosso cliente escolher os detalhes da peça.

Não veja seu cliente como apenas mais um, mas como alguém especial que gostou dos seu produto e que, por algum motivo decidiu comprá-lo. Trate-o com atenção, com educação, com carinho, ofereça possibilidades que os seus concorrentes não oferecem e seja rápido nas respostas.

 

Imagine a seguinte situação:

 Carla quer comprar uma bolsa de maternidade para o seu bebê que vai nascer em 40 dias, ai ela entra no elo7 às 8:oo h da manhã, encontra várias lojas e manda e-mail para 5 delas, cada uma com preço diferente, cerca de R$ 30,00 em relação à outra e ambas com prazo de produção de 15 dias úteis.

 

Acompanhe o retorno das lojas:

1. Passam 5 minutos e Carla já recebe o retorno da 1ª (a mais cara), respondendo com clareza tudo que ela perguntou e se colocando à disposição para mais esclarecimentos;

2. Passam mais 5 minutos e a 2ª responde, uma resposta confusa que não esclarece todas as dúvidas de Carla;

3. Após 2 horas a 3ª responde, com uma resposta clara mas avisa que seu tempo de produção aumentou para 30 dias úteis;

4. Após 12 horas a 4ª responde, uma resposta clara, mas fala para a Carla mesma calcular o frete na hora da compra;

5. A 5ª simplesmente não responde.

 

Agora analise comigo:

Em qual das lojas você acha que nossa futura mamãe vai comprar? 

O preço nesse momento para Carla não é o mais importante, ela deseja um atendimento de qualidade e que atenda às suas necessidades

Produtos mais baratos não significam mais vendas. Produtos de qualidade aliados a um ótimo atendimento sim, resultarão em muitas vendas mesmo que sejam um pouco mais caros.

Chamamos isso de “agregar valor ao produto”.

Faça uma análise de como você está respondendo as mensagens para seus clientes e, veja se não foi por detalhes como esses que eles não concretizaram a compra!

 

Em um outro artigo falarei sobre atendimento de qualidade pelo facebook e instagram, aguardem!

Se você se interessa em adquirir esse curso, peço que você cadastre seu e-mail pois ele ainda está sendo elaborado e, assim que estiver disponível para compra eu te mando um e-mail avisando. Aguarde!

 

Todos os nossos artigos são elaborados para atender às suas necessidades de conhecimento. Portanto, o seu comentário é muito importante pra nós!

Deixe abaixo a sua crítica, sugestão e o que mais desejar para que possamos cada vez mais produzir conteúdo útil e pra você artesã.
Tchau e até o próximo artigo!

Aline Camila.